Símbolos da Páscoa - Cordeiro Pacsal

Ao sair do Egito, Moisés transmitiu aos israelitas a ordem do Senhor Deus: a cada ano, no prenilúnio da primavera, todos deveriam fazer uma refeição cultual tendo como prato importante, o Cordeiro, cujo sangue, marcando os umbrais das portas, livraria seus antepassados da morte, e cuja carne serviria de sustento na caminhada através do deserto.
Jesus foi apresentado por João Baptista aos judeus como "o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo" (Jo 1, 29).

De fato, Jesus é o verdadeiro Cordeiro, seu Sangue liberta-nos do pecado e, na Eucaristia, faz-Se nosso Alimento neste peregrinar de volta ao Pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eucaristia: fonte e vida da Igreja

A iniciação cristã, começada com o Batismo e com a Crisma completa-se com a Eucaristia que, como alimento divino, nutre e aumenta no Home...