Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Misericórdia

Um grande abismo

Pe. Paulo Bazaglia, ssp*

Com a parábola do homem rico e Lázaro, Jesus ilustra as palavras que havia dito no sermão da planície: "bem-aventurados os pobres", "ai de vós, ricos" (Lc 6, 20.24).

No bordado da misericórdia

Luiz Santinácio*


            Nos tempos mais próximos da chegada do Messias o judaísmo também conheceu o amor universal para com o estrangeiro, o pobre, o adversário, o inimigo (cf. Dt 10, 18s). Se aos Israelitas era ordenado amar ao próximo como a si mesmo (cf. Lv 19, 18) e a palavra próximo tem, inegavelmente, um sentido bastante restrito, o Senhor Jesus aos seus discípulos manda amar como Ele os amou (cf. Jo 15, 12-13).